Nova convenção nacional do Patriotas tem que ser para recompor o partido, comentaram alguns filiados


Após o racha no Patriotas, Adilson Barroso, atual presidente do partido, convocou nova convenção nacional para a próxima segunda-feira (14).

Os argumentos para a nova convocação seriam para viabilizar a filiação do Presidente Jair Bolsonaro, mas nos bastidores o que se ouve é a fragilidade e a insatisfação gerada com a gestão de Adilson Barroso.

As mudanças promovidas no estatuto do partido para permitir maior controle dos diretórios da legenda são alvo de contestação na Justiça e demora na solução, atrapalhariam as negociações.

Outras legendas disputam a entrada de Bolsonaro, dentre eles o PP, que após o racha do Patriotas, passou a ser sondado por assessores do presidente.

A Presidente Adilson Barroso precisa urgentemente ouvir aliados como Ovasco Roma (vice-Presidente Nacional do Patriotas) e o Deputado Federal Fred Costa (Deputado por Minas Gerais e Líder da bancada) sob pena de afastar de uma vez por todas, a possibilidade de unir o partido e atrair o Presidente em uma possível candidatura à reeleição.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *